Nadadora Joana Maranhão em SUPOSTO novo comunicado(apagado) extrapolou o bom senso.

04/07/2015 06:26

São Paulo, 03 de Julho de 2015 - A nadadora Joanna Maranhão, que há poucos dias informou pelos meios de comunicação que competirá no PAN em Torornto, Canadá em que não representará figuras políticas como Eduardo Cunha, Jair Bolsonaro e Marcos Feliciano por conta da aprovação da PEC 171 que trata da redução da maioridade penal no Brasil... parece que agora em um comunicado postado e apagado em sua página na rede social Facebook foi além!

Em algumas mensagens que foram mandadas para a nadadora brasileira nenhuma delas nos retornou. Embora uma frase muito bem construída na sua página logo na primeira postagem nos parece que ela quis amenizar o clima que girou em torno da postagem negativa anterior. Joanna Maranhão escreveu muito bem em sua página a seguinte mensagem:

"Um Salve pra quem tem o dom de debater seus pontos de vista sem agressão. Seja você de esquerda ou direita, a favor ou contra a redução da maior idade penal, você deve ser contra a violência, ainda que verbal."

Ao que nos consta, isso foi de fato para amenizar uma postagem imediatamente apagada de sua página em que ela cita apoio a certos políticos da ala da esquerda . Porém foi um comentário desfavorável dirigido ao juiz Sérgio Moro, condutor da Operação Lava-Jato que investiga a ação criminosa do atual governo, que causou um mal-estar profundo em quem conseguiu ler a mensagem.

 

De São Paulo para o CANAL 1


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!